Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Jornal O Diabo

jornalismo independente

jornalismo independente

Quinta Coluna: António Costa

Pode ser que agora, finalmente, os eleitores percebam porque é que Costa “investiu” em Saramago, oferecendo-lhe a Casa dos Bicos, como foi que o cançonetista Carlos do Carmo apoiou o PS e, em particular, porque é que os comunistas mantiveram um “low profile” em Lisboa, durante toda a campanha autárquica da Capital.

 

Costa apercebeu-se da mudança de tendência política que a Europa vive e receou que a popularidade inesperada de Portas e do PP pudessem retirar-lhe o brilho de ser o socialista que ganha. As Legislativas vieram confirmar que estava certo. E ele vai continuar ali, ao lado da Praça do Comércio, de que não percebe nem a essência nem o sentido, mas que fez questão em mudar, para a glória da sua pessoa. Costa perdeu independência, capacidade de decisão e ficou enfeudado a uma esquerda ainda mais caduca do que aquela que representa. Lisboa, essa, arrisca-se a ficar ainda mais periférica do que já é.

 

Se cumprir o que anunciou, a capital fica sem Portela, terá pontes escusadas e os lisboetas arriscam-se a ser obrigados a fazer figuras ridículas, como as do candidato socialista durante a campanha, e pedalar inúteis bicicletas, trajando um equipamento de Eddy Merxx das avenidas (verde!), numa cidade em que, quase sempre, ou se sobe ou se desce. Muito.

2 comentários

Comentar post